Defesa de dissertação – “A infância representada nas charges da imprensa sindical: entre a vitimização e os direitos da criança”.

alana

A mestranda Alana Nogueira Volpato, orientada pelo prof. Dr. Rozinaldo Antônio Miani, defendeu, no dia 20, a dissertação intitulada “A infância representada nas charges da imprensa sindical: entre a vitimização e os direitos da criança”.

A pesquisa analisou a infância retratada nas charges da imprensa sindical após a aprovação do Estatuto da Criança e do Adolescente em 1990. Parte do princípio de que a infância é construída socialmente e que, no Brasil, assume características específicas ligadas à desigualdade social, a pobreza e a criminalização de meninos e meninas de rua. As charges na imprensa sindical denunciam, sobretudo, as condições de vida de crianças pobres, como a violência policial e a negligência do Estado.
 A banca de avaliação foi composta pela profª. Drª. Vera Lúcia Tieko Suguihiro, do curso de Serviço Social (UEL); e a profª. Drª. Maria da Conceição Francisca Pires, da  Universidade Federal do Estado de Rio de Janeiro( UNIRIO).