Volume 18 - 2010

Representações literárias da homossexualidade

Sumário

Todos os arquivos estão disponibilizados em formato PDF.

Você precisará do Adobe Reader para lê-los.



Artigo e autor
Páginas

Lavadeiros, padeiros e marinheiros: Romance brasileiro, boêmia e homoerotismo na crise do sistema monárquico

Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o Javascript terá de estar activado para poder visualizar o endereço de email (UERJ)

6-15

RESUMO: Esse estudo procurar entender o aparecimento do homoerotismo na literatura brasileira, nas duas últimas décadas do século XIX, como evento ligado ao crescimento das cidades, à boêmia e à crise do sistema monárquico. O vocabulário científico, típico da cultura do período, era uma forma de legitimar o discurso literário, mas não deve desviar a atenção do movimento mais importante de descentralização e liberalização que viabilizou o aparecimento dos primeiros romances brasileiros sobre sujeitos que amavam pessoas do mesmo sexo.
PALAVRAS-CHAVE: romance brasileiro; boêmia; homoerotismo.

ABSTRACT: This study aims at understanding the emergence of homoeroticism in Brazilian literature, in the last two decades of the nineteenth century, as an event related to the cities growth, to bohemia and to the crisis of the monarchy. The scientific vocabulary, typical of the culture of the time, was a strategy of legitimation of the literary discourse, but should not divert our attention from the movements of liberation and decentralization which enabled the publishing of the first Brazilian novels about people who loved people of the same sex.
KEYWORDS:  Brazilian novel; bohemia; homoeroticism.

Recebido em 6 de junho de 2010; aprovado em 31 de outubro de 2010.

Corpo e gênero no romance oitocentista brasileiro: uma leitura de Bom-Crioulo, de Adolfo Caminha

Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o Javascript terá de estar activado para poder visualizar o endereço de email (ISCTEM)

16-25

RESUMO: Este trabalho apresenta um exercício intelectual em torno das maneiras através das quais o sexo, o gênero e o corpo são representados e literariamente constituídos no romance Bom-Crioulo, de Adolfo Caminha (1895), considerado um dos primeiros romances na literatura brasileira a trazer ao público a questão da identidade homossexual. Tomando algumas ferramentas analíticas desenvolvidas sob os auspícios do feminismo e dos estudos de gênero, assim como dos queer studies, este artigo propõe uma interpretação não tão otimista com relação ao impacto deste romance no que diz respeito à construção social de uma identidade sexual masculina na literatura brasileira do século XIX.
PALAVRAS-CHAVE: corpo; gênero; homossexualidade masculina;  romance brasileiro.

ABSTRACT: This paper presents an intellectual exercise on how sex, gender and body are represented and literary constituted in Adolfo Caminha’s Bom-Crioulo (1895), considered one of the first novels in Brazilian literature that brings to the public the question of homosexual identity. Taking some analytical tools developed under the auspices of feminism and gender studies as well as queer studies, the article proposes a not so optimistic interpretation around the impact of this novel when it comes to de social constitution of a male homosexual identity during the 19th century Brazilian literature..  
KEYWORDS: body; gender; male homosexuality; Brazilian novel.

Recebido em 30 de junho de 2010; aprovado em 31 de outubro de 2010.

Sexualidade e identidades conflitantes em Acenos e afagos, de João Gilberto Noll

Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o Javascript terá de estar activado para poder visualizar o endereço de email (Unioeste/CAPES)
e Regina Coeli Machado e Silva (Unioeste)

26-37

RESUMO:  Um dos principais temas de Acenos e afagos (2008), do escritor João Gilberto Noll, é a identidade incerta do personagem João Imaculado. Estreitamente vinculada à sexualidade, essa identidade no romance é descrita como experiências inquietantes por não se ater nem a heterossexualidade, nem a homossexualidade. O personagem vive a tensão de uma masculinidade problemática, como sugeriu Giddens (1993) ao mesmo tempo determinante e condicionada por interações que o definem como marido, pai de adolescente e parceiro homossexual. Queremos mostrar esse tema como parte de uma problematização mais ampla da sexualidade nas sociedades contemporâneas, na qual a literatura brasileira participa como construções imaginativas a respeito de tais possibilidades conflitantes, como na narrativa de Noll.
PALAVRAS-CHAVE: identidade homossexual; masculinidade; João Gilberto Noll.

ABSTRACT: One of the main themes of Acenos e afagos (2008), by the writer Joao Gilberto Noll, is the uncertain identity of the character João Imaculado. Narrowly linked to sexuality, this identity in the novel is described as disturbing experiences for it is not focused on neither heterosexuality nor homosexuality. The character lives the tension of a problematic masculinity, as suggested by Giddens (1993) at the same time determined and conditioned by interactions who define him as a husband, an adolescent’s father and a homosexual partner. We want to show in this article dedicated to understand this theme in the Noll’s novel that it is part of a larger contextualization of sexuality in contemporary societies, of which the Brazilian literature participates as imaginative constructs about these conflicting possibilities.
KEYWORDS: homosexual identity; masculinity; João Gilberto Noll.

Recebido em 15 de julho de 2010; aprovado em 30 de outubro de 2010.

O comportamento homoafetivo a partir do determinismo social, em Acenos e afagos (2008) de João Gilberto Noll

Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o Javascript terá de estar activado para poder visualizar o endereço de email (UEL/CNPq)
e Karine Passeri (CESUMAR)

38-48

RESUMO: No romance de João Gilberto Noll, Acenos e Afagos (2008), João Imaculado vivencia relações hetero e homossexuais; dessa forma, analisar-se-á como as atitudes dele estão relacionadas à visão preconceituosa da sociedade dominante. Diante disso, os objetivos específicos são: verificar se o protagonista tem consciência do preconceito existente no âmbito social, e como isso influencia suas relações hetero e homoeróticas. O artigo abordará esses questionamentos e, como resultado, espera-se que o personagem, inserido em um entre-lugar, se mostre como alguém que, por não ter coragem de transgredir as leis sociais preconceituosas, submete-se a elas.
PALAVRAS-CHAVE: literatura; homoerotismo; preconceito.

ABSTRACT: In João Gilberto Noll’s novel, Acenos e Afagos (2008), the protagonist, João Imaculado, experiences hetero and homosexual relationships; hence, we will analyze how his behavior in related to the prejudiced view of the mainstream society. Thus, the specific objectives are: to determine if the protagonist is aware of the prejudice that exists in the society, and how it influences his hetero and homoerotic relationships. The article will deal with these questions and as a result, we expect that the character is inserted in a between-place, and he is known as someone who does not have courage to break the prejudiced social laws, so he is submitted to them.
KEYWORDS: literature; homoeroticism; prejudice.

Recebido em 31 de maio de 2010; aprovado em 31 de outubro de 2010.

O homossexualismo na Espanha no século XVII e na obra Sueños y Discursos, de Quevedo y Villegas

Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o Javascript terá de estar activado para poder visualizar o endereço de email (UFSC)

49-57
RESUMO: Este artigo tem como principal objetivo mostrar a visão que se tinha a respeito do homossexualismo na Espanha do século XVII e como ele aparece na obra Sueños y Discursos, de um dos principais escritores do Século de Ouro, Francisco de Quevedo y Villegas. O artigo está dividido em três partes: a primeira trata da sátira, pois Quevedo passa para a história da literatura espanhola caracterizado fundamentalmente como produtor de sátiras; a segunda parte aborda a sátira quevediana, visto que os Sueños figura entre as mais brilhantes e mais engenhosas obras do gênero; e a terceira, discorre sobre o homossexualismo na Espanha do século XVII e nos Sueños.
PALAVRAS-CHAVE: sátira;  Quevedo;  Sueños y Discursos; homossexualismo.

ABSTRACT: This article intends to show how homosexuality was viewed in seventeenth-century Spain, and how it is portrayed in Sueños y Discursos [Dreams and Discourses], by one of Spain’s major Siglo de Oro writers, Francisco de Quevedo y Villegas. It is divided in three parts: the first address satire, since Quevedo is regarded as a major satirist; the second addresses Quevedian satire, since Quevedo’s Sueños is regarded as one of the most brilliant and ingenious satirical pieces of prose; the third addresses homosexuality in seventeenth-century Spain and in Quevedo’s Sueños.
KEYWORDS: satire; Quevedo;  Sueños y Discursos;  homosexuality.

Recebido em 31 de maio de 2010; aprovado em 30 de outubro de 2010.

Representações simbólicas da homossexualidade em El público de García Lorca

Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o Javascript terá de estar activado para poder visualizar o endereço de email (UFG)
58-66
RESUMO: Este trabalho examina, por meio da hermenêutica simbólica, as representações da homossexualidade na peça El público de Federico García Lorca. Tais representações se revelam nos mitemas recorrentes, os quais conduzirão aos mitos diretores da narrativa. A retirada das máscaras, que escondem verdades íntimas das personagens, evidencia os duplos e as sucessivas metamorfoses, expondo as relações de poder entre as personagens e o comportamento de uma sociedade hipócrita, que castiga o que considera “delitos sexuais”.
PALAVRAS-CHAVE:  homossexualidade; simbolismo; metamorfose.

ABSTRACT: This article examines by means of the symbolic hermeneutic the representations of homosexuality in Federico García Lorca’s play El publico. The images and mythemes found in this text conduct to the identification of the narrative leading myths and reveal the form by which these representations occur. The masks that hides deep truths when are taken off reveal doubles and metamorphosis, exposing the power relations among the players and the behaviors of a hypocrite society that penalizes what it considers “sexual offenses”.
KEYWORDS: homosexuality; symbolism; metamorphosis.

Recebido em 28 de junho de 2010; aprovado em 31 de outubro de 2010.

Masculinidades Santarenas em O pecado de João Agonia

Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o Javascript terá de estar activado para poder visualizar o endereço de email (Mackenzie)
67-77
RESUMO: O objetivo deste artigo é tratar da questão da homossexualidade através da análise das personagens encontradas na peça O Pecado de João Agonia do teatrólogo Bernardo Santareno. Para tanto, partiremos das teorias sobre as relações de gênero provenientes de diferentes campos do saber, como a psicologia, a literatura, a sociologia e a antropologia.
PALAVRAS-CHAVE:  homossexualidade; sexualidade; masculinidade; Bernardo Santareno.

ABSTRACT: The aim of this paper is to analyze the issue of homosexuality by examining the characters found in Bernard Santareno’s O pecado de João Agonia. To this end, we depart from theories that examine gender relations from different fields of knowledge such as psychology, literature, sociology and anthropology.
KEYWORDS: homosexuality; sexuality; masculinity; Bernardo Santareno.

Recebido em 28 de junho de 2010; aprovado em 31 de outubro de 2010.

Armários devassados: homoerotismo e resistência na ficção de Guilherme de Melo

Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o Javascript terá de estar activado para poder visualizar o endereço de email (UFSCAR)
78-88
RESUMO: Recuperando a conhecida metáfora do armário, enquanto índice desvelador de uma postura e de uma epistemologia homossexual, preconizada por Eve Sedgwick (Epistemologia do Armário), e a constatação de uma resistência em determinadas manifestações narrativas, sublinhada por Alfredo Bosi (Literatura e Resistência), intentamos, a partir do romance O que houver de morrer (1989), propor uma linha de leitura da ficção do escritor português Guilherme de Melo, privilegiando a abordagem da temática homoerótica, a sua presença no cenário literário lusitano e a emergência de uma abordagem crítica do referido corpus.
PALAVRAS-CHAVE: homoerotismo; ficção portuguesa contemporânea; Guilherme de Melo.

ABSTRACT: Recovering the known closet’s metaphor, as a revealing sign of a homosexual attitude and epistemology extolled by Eve Sedgwick (Epistemology of the Closet) and the perception of a resistance in some fictional manifestations pointed by Alfredo Bosi (Literatura e Resistência), we propose a reading of the Portuguese writer Guilherme de Melo’s fiction, through his novel O que houver de morrer (1989), underlining the homoerotic theme, its presence in the literary portuguese scene and the emergency of a critical broach of this corpus.
KEYWORDS: homoerotism; contemporary portuguese fiction; Guilherme de Melo.

Recebido em 31 de maio de 2010; aprovado em 30 de outubro de 2010.

Mia Couto: beligerâncias e transgressões na fronteira dos gêneros

Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o Javascript terá de estar activado para poder visualizar o endereço de email (UNESP/Assis)
89-99
RESUMO: Este ensaio investiga os modos pelos quais Mia Couto, com sua obra literária, contribui para a desestabilização e consequente revisão dos paradigmas e valores sociais sustentados na manutenção dos estereótipos sexuais. Por meio da desconstrução da imagem do travesti, o autor dilui as fronteiras do trinômio hetero/homo/bissexual, colocando em xeque os pilares hierárquicos sobre os quais se firma a sociedade patriarcal e suas relações de poder. Ao mostrar a fluidez da identidade de gênero das personagens, contribui para problematizar quaisquer certezas sobre as orientações sexuais, modificando as representações mais correntes da homossexualidade.
PALAVRAS-CHAVE: Mia Couto; fronteiras de gênero; homossexualidade; travestimento.

ABSTRACT: This essay investigates how Mia Couto through his literary works contributes for a destabilization and resultant review on paradigms and society’s values that are supported to maintain sexual stereotypes alive. By deconstructing the transvestite’s commonsensible representation the author dilutes the borders in the trinomial hetero/homo/bisexual, controverting the hierarchical pillars on which are based the patriarchal society and its power relationships. By showing the fluidity of the characters’ gender identity he collaborates to problematize any certainties concerned to sexual orientations, changing the most current representations of homosexuality.
KEYWORDS: Mia Couto; gender frontiers; homosexuality; transvestism.

Recebido em 12 de julho de 2010; aprovado em 30 de outubro de 2010.

Libertinagem e homossexualidade em Madame Putiphar (1939), de Pétrus Borel

Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o Javascript terá de estar activado para poder visualizar o endereço de email (UFRJ)
100-108
RESUMO: Pétrus Borel, figura de proa do romantismo frenético de 1830, compõe o romance Madame Putiphar (1839), com o objetivo de descortinar a corrupção e a libertinagem da corte francesa do século XVIII, durante o reinado de Luís XV, época na qual a trama se desenrola. Dentre as personagens da narrativa, a camareira real, homossexual, possui relevância na intriga, com a função de iniciar as amantes do rei nas práticas libertinas, tornando-se uma peça-chave na dinâmica dissoluta do poder. Finalmente, destaca-se que a representação da personagem lésbica, como instrutora sexual, constitui a retomada de um personagem-tipo da literatura erótica do século XVIII, remontando às obras de Sade e do marquês d’Argens.
PALAVRAS-CHAVE: Madame Putiphar; romantismo frenético; literatura erótica; lesbianismo.

ABSTRACT: Pétrus Borel, leading figure of the frenetic romanticism of 1830, writes the novel Madame Putiphar (1839) aiming to uncover the corruption and debauchery of the French court of the eighteenth century during the reign of Louis XV, at which time the story takes place. Among the characters in the narrative, the royal maid, homosexual, has a great relevance to the story since her function is to teach libertine practices to the King’s mistresses, becoming a key player in the dissolute dynamic of power. Finally, it is worthy of mention that the representation of the lesbian character as a sex instructor is the resumption of a character-type of the eighteenth century’s erotic literature, going back to the works of Sade and the Marquis d’Argens.
KEYWORDS: Madame Putiphar; frenetic romanticism;  erotic literature; lesbianism.

Recebido em 15 de julho de 2010; aprovado em 30 de outubro de 2010.

Itinerários homoeróticos na obra de Caio Fernando Abreu

Nelson Ferreira Júnior (UFCG)
e Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o Javascript terá de estar activado para poder visualizar o endereço de email (UFPB)
109-117
RESUMO: Uma das principais propostas com as quais se organiza a obra de Caio Fernando Abreu é representar a trajetória do sujeito homoerótico na sociedade brasileira. Tal fato resultou na multiplicação dos estudos críticos sobre a mesma, especialmente nas últimas décadas do séc. XX, motivados pelas correntes do pós-estruturalismo, sobretudo o feminismo. No Brasil, algumas abordagens esparsas começam a emergir apenas nos anos noventa porque, embora a temática tenha sido sempre recorrente na literatura brasileira, não se ousava discuti-la do ponto de vista crítico. No caso específico do escritor Caio Fernando Abreu, os críticos têm realizado estudos que privilegiam uma ou outra narrativa do autor, sem que se tenha uma discussão mais ampla sobre a questão, ou seja, procurado ver a incidência do tema como um fio temático condutor essencial entre as suas produções. Diante do exposto, a nossa discussão propõe uma breve discussão, objetivando traçar os itinerários simbólicos das relações entre o sujeito ficcional homoerótico e o mundo em que este é apresentado.
PALAVRAS-CHAVE: literatura brasileira; homoerotismo; Caio Fernando Abreu.

ABSTRACT: A key proposal with which it organizes the work of Caio Fernando Abreu is to represent the trajectory of the subject homoerotic in Brazilian society. This fact resulted in the proliferation of critical studies on it, especially in the last decades of the twentieth century, motivated by the currents of post-structuralism, especially feminism. In Brazil, some sparse approaches began to emerge only in the nineties, because although the theme has always been recurrent in Brazilian literature critics did not dare to discuss it. In the specific case of  Caio Fernando Abreu, critics have conducted studies that favor one or another narrative of the author, without having a broader discussion on the issue or tried to see the impact of homoeroticism as a thematic thread driver essential among its productions. Given the above, our discussion suggests a brief discussion aiming to trace the routes of the symbolic relationship between the subject and the homoerotic fictional world in which it is presented.
KEYWORDS: Brazilian Literature; homoeroticism; Caio Fernando Abreu.

Recebido em 15 de julho de 2010; aprovado em 30 de outubro de 2010.