N° 1
                           

 

Revista

A Revista Lutas & Resistências é um periódico eletrônico, publicado semestralmente, que objetiva divulgar a produção científica no campo das Ciências Sociais e áreas afins. Seu principal eixo teórico e político de discussão é o atual estágio de desenvolvimento do capitalismo dependente latino-americano, respeitando-se, evidentemente, a diversidade política, ideológica, social e cultural em voga na região. Seu objetivo é incentivar a produção acadêmica dos pós-graduandos, como também está aberta aos pós-graduados e docentes latino-americanos. Por isso mesmo, os artigos poderão ser enviados nos idiomas português e espanhol.

Pretende-se, com esta iniciativa, incentivar a publicação de textos embasados em pesquisas acadêmicas, mas que, nem por isso, abram mão da crítica em nome da imparcialidade da ciência. Volta-se, sobretudo, para a dura realidade política e social latino-americana: os padrões políticos e ideológicos de dominação; a questão do imperialismo; as diversas formas de lutas e resistências populares ao projeto neoliberal. Busca-se estimular que os trabalhos e as pesquisas científicas procurem renovar as teorias críticas da realidade social a partir dos embates políticos e ideológicos manifestos em praticamente todo o subcontinente latino-americano. Lutas & Resistências entende que teoria e prática política não estão dissociados.

A revista aceita artigos e resenhas de livros e teses, preferencialmente originais. Todos os textos recebidos serão analisados e, se estiverem de acordo com as normas para publicação e os princípios que norteiam a revista, serão encaminhados para apreciação e pareceres. Cada texto será apreciado por dois pareceristas, resguardado o anonimato do(s) autor(es). A decisão sobre a publicação caberá ao Comitê Editorial. Para cada número da revista, o Conselho Editorial indicará um comitê responsável pela publicação daquele número.

Lutas & Resistências define-se como espaço aberto, democrático, plural e crítico do pensamento neoliberal, sem concessão de interesses de cunho partidário ou ideológico. O seu objetivo é tão-somente divulgar e estimular o debate democrático.

Os artigos publicados não expressam necessariamente as opiniões do coletivo da revista. Os autores, considerados individualmente, são responsáveis por suas opiniões e posições.

 

 

 
 

 

Designer Responsável: Janaina de Oliveira Castro