Agência UEL de Notícias
    Londrina, Terça-Feira, 12 de Novembro de 2019 -  Busca   

 · Agência UEL de Notícias  · Jornal Notícia
25/07/2019  

Vestibular indígena: Inscrições a partir de 29 de julho

Agência UEL

As universidades estaduais do Paraná realizam, nos dias 17 e 18 de novembro, a 19ª edição do Vestibular dos Povos Indígenas do Paraná. A novidade é que, desta vez, ele será descentralizado, realizado nas cidades de Manoel Ribas, Nova Laranjeiras, Mangueirinha, Chopinzinho, Londrina e Curitiba - cidades com conhecida presença indígena, como os kaingangs. As inscrições serão abertas na próxima segunda-feira (29), no endereço UFPR/Núcleo.

O Vestibular dos Povos Indígenas envolve todas as sete universidades estaduais do estado, além da UFPR. A previsão é que somente na UEL farão prova aproximadamente 300 candidatos que residem nas terras indígenas da região Norte do estado. Segundo a professora Mônica Kaseker (Departamento de Comunicação), integrante da Comissão Interinstitucional para Acompanhamento dos Estudantes Indígenas, o concurso foi descentralizado após consulta pública aos representantes das comunidades feita por solicitação de lideranças indígenas.

"Nos últimos anos, o vestibular indígena foi realizado em Faxinal do Céu, na Vila da COPEL. No ano passado, a Vila recebeu entre candidatos e a equipe de organização mais de 900 pessoas atingindo seu limite máximo de leitos. Este ano, o número total de envolvidos pode ultrapassar as 1.100 pessoas nas projeções da Cuia Estadual, o que seria inviável de hospedar em Faxinal do Céu", explica.

A SETI (Superintendência de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior) oferecerá transporte para que os candidatos se desloquem das terras indígenas para os locais de aplicação de provas, além de refeições e alojamento.

Inclusão - Em 2018, o Governo do Estado alcançou a marca de 230 indígenas matriculados nas sete universidades estaduais do Paraná. Os alunos, pertencentes a cinco etnias diferentes - Kaingang, Guarani, Xetá, Fulni-ô e Terena - estão distribuídos em 28 cursos de graduação. No Brasil, são 55 mil indígenas matriculados em ensino superior, e já 18 com título de Doutorado.

Na Pós-graduação, a UEL tem ainda um estudante indígena (kaingang) no Programa de Pós-Graduação em Serviço Social e Política Social, além de um doutorando em Antropologia pela UFPR, um mestre em Educação pela UEM, um mestrando em Educação pela UEM e ainda um mestre em Agroecologia pela UFFS (Universidade Federal da Fronteira Sul/SC).

Esteve na UEL este mês Florêncio Reikag, kaingang, o primeiro doutorando em Antropologia na UFPR, para participar do 3º Congresso Internacional de Política Social e Serviço Social. Ele falou dos desafios de chegar ao ensino superior e se dedicar à pesquisa acadêmico-científica. Professor, Florêncio (Mestre pela UEM) afirmou sempre estar muito envolvido com educação e cultura, nas escolas das aldeias, e sentir falta de uma produção científica dos próprios indígenas. No Mestrado, buscou professores e pedagogos indígenas no Paraná para conhecer suas realidades e idealizar avanços na formação e atuação.

CUIA - A SETI delegou competência às Universidades para que, em conjunto, organizem o Vestibular Específico Interinstitucional dos Povos Indígenas, ou Vestibular dos Povos Indígenas no Paraná. Para isso, a SETI emitiu a Resolução Conjunta nº 001/2001 com a composição de uma Comissão Interinstitucional para Acompanhamento dos Estudantes Indígenas, hoje a Resolução 026/2008.

O léxico "CUIA", além de abreviar o nome da Comissão Universidade para os Índios, recebeu o acréscimo da letra "A" para designar um utensílio importante na cultura indígena.

Quanto às atribuições dessa Comissão, a SETI publicou a Resolução 006/2007, ressaltando que compete à CUIA, entre outras atribuições, desenvolver uma cultura acolhedora e que valoriza a herança cultural e os saberes dos primeiros habitantes brasileiros, através de ações como o acompanhamento pedagógico dos estudantes, ao mesmo tempo que busca sensibilizar e envolver toda a comunidade acadêmica acerca da questão indígena, assim como estimula o diálogo, a integração e as parcerias interinstitucionais visando o mesmo fim.

A Universidade extrapola seus muros ao alcançar comunidades indígenas em seus projetos de pesquisa e extensão, assim como, especificamente através do CUIA, ligado à Pró-reitoria de Graduação (PROGRAD), forma profissionais qualificados capazes de atuar tanto nas aldeias e junto aos povos indígenas quanto em outros contextos.

Para a professora Mônica Kaseker, "o vestibular indígena é de suma importância para a garantia do ingresso dos povos indígenas na universidade pública, gratuita e de qualidade. É também uma forma de trazer para a universidade a riqueza da diversidade cultural e formas diferentes de ver o mundo e de construir conhecimento".

Serviço

XIX Vestibular dos Povos Indígenas do Paraná

Realização: 17 e 18 de novembro.

Inscrições: 29.07 a 30.08.


rodapé da notícia

  15h48 Atividade de prevenção a afogamento atende estudantes de escolas municipais
  14h41 Professora da Universidade de Évora debate inclusão na Educação Infantil
  14h35 Funcionários da Sercomtel doam R$ 180 mil para Casa de Apoio do HU/UEL
  10h57 Professores pioneiros são homenageados durante abertura da Semana de Educação
  10h56 Projeto desenvolve técnica rápida para identificação de fraude em produtos cárneos
  11h18 Aluna do mestrado em Bioenergia conquista prêmio na área de inovação
  08h16 UEL participa da 6ª Semana de Transparência e Controle Social de Londrina
  09h11 Estudantes participam de Agrogame e testam conhecimento de produção agrícola
  17h44 Palestra de medalhista encerra Semana da Educação Física e do Esporte
  16h43 Casa do Pioneiro e Cequinha são usados como sets de filmagem para curta-metragem
  17h01 Atividades do CEFE reforçam prevenção ao afogamento de crianças
  17h11 Pesquisa investiga proteção jurídica da terra no Brasil
  15h58 Professores e alunos de licenciaturas divulgam resultados do PIBID
  15h49 Integrantes do projeto OBMEP participam de Encontro Regional sobre IC
  15h38 Cursinho da UEL aprova 258 estudantes na 1ª fase do Vestibular 2020
  09h58 Ciclo Hannah Arendt 2019 tem inscrições abertas para ouvintes
  09h16 UEL aplica provas de residências do HU para 625 candidatos
  16h39 Projeto oferece formação complementar sobre autismo
  18h06 UEL inaugura oficialmente a primeira Usina Fotovoltaica da região de Londrina
  18h26 Professores participam de Colóquio Internacional sobre racismo na educação superior
  17h05 1ª fase do Vestibular 2020 tem 8.419 candidatos aprovados
  17h23 Divisão de Artes Cênicas recebe três apresentações da Cia. Grita de Palhaças
  11h03 Evento debate inovação, processos de análises e controles de processos
  10h38 Professora da UEL usa jogos que estimulam raciocínio lógico e criatividade
  10h15 Semana da Educação e Encontro Internacional têm mais de mil inscritos
  17h29 Primeira Usina Fotovoltaica da UEL será entregue nesta sexta (8)
  17h29 Pesquisadores debatem ações de Comitê de Ética em pesquisa envolvendo seres humanos
  15h14 UEL participa de Seminário sobre direitos da criança, idoso e pessoa com deficiência
  09h40 Inscrições da Prova Pedestre 2019 da UEL terminam domingo (10)
  08h54 Edital da Capes oferece bolsas de doutorado na Alemanha
  08h26 Professora do CCE oferta minicurso sobre software "R", em Maringá
  10h40 Um Homem Fiel entra em cartaz no Cine Com-Tour/UEL
  15h35 Conselho aprova resolução que institui Liberdade de Cátedra nas atividades acadêmicas
  14h48 Semana da Educação Física e Esporte tem homenagem aos aposentados
  16h23 Programas intensificam formação de estudantes de licenciaturas
  09h56 Feirinha da Cidadania oferece opções de alimentos e artesanatos
  11h22 Gedal convida comunidade para observação da lua e planetas
  09h33 Grupo sobre Envelhecimento debate cuidados na demência avançada
  09h15 Professores e alunos participam de Encontro de Iniciação Científica
  08h57 HU/UEL promove Jornada de Práticas Assistenciais em Lesão de Pele
D
DESTAQUES ::.

Professores criam bioinseticida que elimina larvas d

Pesquisa investiga proteção jurídica da terra no Bra

Projeto oferece formação complementar sobre autismo

Jornal Notícia - 1.402
B
BUSCA no SITE ::.
C
CANAIS ::.
COMITÊS / COMISSÕES
OUTROS ENDEREÇOS
PORTAIS
PROGRAMAS / PLANOS
SAÚDE
SERVIÇOS
Fale com o Reitor
Holerite
Certificados Declarações
L
LINKS ::.
                             
© Universidade Estadual de Londrina
Coordenadoria de Comunicação Social
Rodovia Celso Garcia Cid | Pr 445 Km 380 | Campus Universitário
Cx. Postal 10.011 | CEP 86.057-970 | Londrina - PR
Fone: (43) 3371-4361/4115/4331  Fax: (43) 3328-4593
e-mail: noticia@uel.br