Agência UEL de Notícias
    Londrina, Segunda-Feira, 24 de Junho de 2019 -  Busca   

 · Agência UEL de Notícias  · Jornal Notícia
24/05/2019  

Foto Estrela tem mais de cinco mil imagens digitalizadas pelo Museu Histórico

Agência UEL

Praça Primeiro de Maio abriga a Concha Acústica (Arquivo: Foto Estrela/1950)

Acervo de fotos com 5.350 imagens da cidade de Londrina, desde os anos 50, foi digitalizado pelas equipes do Museu Histórico de Londrina e do Projeto "Preservação de coleções fotográficas como patrimônio histórico e cultural de Londrina". As imagens eram do conhecido Foto Estrela - inaugurado em 1938 - que pertenceu ao imigrante japonês Yutaka Yasunaka, a partir de 1952. Também já foram digitalizadas outras 16.013 fotos e negativos, incluindo o acervo da época em que os proprietários eram Armínio Kaiser e João Carvalheira.

O imigrante japonês seguiu com o registro do crescimento de Londrina. O estúdio foi mantido em funcionamento até 2008, quando a procura não era mais suficiente para manter o negócio ativo. Yasunaka morreu em 7 de janeiro de 2015, meses depois de assinar o termo de doação, destinando parte do acervo ao Museu Histórico de Londrina. Já a outra parte do acervo de fotos eram guardadas pela família, quando também foram repassadas à direção do Museu. As imagens mais recentes são de 1998.

O fotógrafo Yutaka Yasunaka foi pioneiro no registro fotográfico da vista aérea de Londrina. O filho do fotógrafo, Jorge Shoji Yasunaka, que realizou a doação de parte do Acervo Foto Estrela ao Museu Histórico, fala sobre a trajetória do pai. "Eu acho muito importante porque meu pai viu esse início em que Londrina estava crescendo e não tinha fotos aéreas, antigamente existia cartão postal, mas exclusivamente de Londrina não tinha". Segundo ele, as imagens aéreas serviam para atrair visitantes para a região, visando inclusive o estabelecimento de novas gerações para formação da cidade.

Todo o acervo já está disponível para consulta e pesquisa na plataforma Pergamum pesquisar Foto Estrela. A conclusão do serviço de digitalização do acervo faz parte de uma iniciativa maior, já que Pergamum é parte de um Sistema Integrado de Bibliotecas, que passou a acolher arquivos de Museus. Por meio da plataforma é possível acessar arquivos digitalmente, facilitando o acesso a informações.

Café - Em meio ao movimento cafeeiro, especialmente das décadas de 50, 60, e início dos anos 70, Londrina é retratada como cidade que desponta como capital do café. Por outro lado, as fotos revelam muito mais do que o surgimento de prédios, igrejas, casas e ruas, pois são registros de modos de vida da época.

É o caso da foto da Concha Acústica, hoje importante espaço de manifestações cultural e política. Na praça 1º de Maio, ela desponta junto com a torre da Igreja Presbiteriana (Rua Mato Gross) e edificações térreas. Também chama atenção o letreiro da Farmácia Central. Outro exemplo é o registro traz a Avenida Rio de Janeiro, com uma fileira de carros estacionados em diagonal. Na imagem, é possível identificar a Agência do Banco do Estado do Paraná, além da sede do periódico Paraná Jornal.  

Projeto - A inclusão das imagens na plataforma foi viabilizada por meio do projeto de extensão, coordenado pela professora Regina Célia Alegro, do Departamento de História, do Centro de Letras e Ciências Humanas (CCH), que foi apresentado ao Programa Municipal de Incentivo à Cultura (PROMIC) pela Associação dos Amigos do Museu (ASAM).

O projeto dá um passo à frente no sentido de preservar essa história, numa época em que a cidade despontava como centro cafeeiro no país. A professora Regina explica que o PROMIC viabilizou recursos no valor de R$ 70.000,00, que foram usados para o pagamento de bolsistas, digitalização e revelação de negativos, e materiais usados no acondicionamento de fotografias. Segundo ela, participaram do projeto 11 estudantes bolsistas e 11 voluntários dos cursos de História e Ciências Sociais.

A aluna do curso de História, do CCH, Adja Nadine, integrante do projeto, responsável por incluir as imagens no Pergamum, explica que a disponibilização virtual do material só traz benefícios, como a agilidade na hora da pesquisa. "Quando a pessoa precisa ter acesso ao acervo físico, antes é possível fazer pré-pesquisa das fotos para saber o que está procurando e onde vai achar", diz a aluna. Desse modo, o Pergamum serve para agilizar os processos de pesquisa. Por outro lado, outra vantagem da digitalização é proporcionar aos pesquisadores e público em geral o acesso livre e ilimitado às imagens que contam da história de um importante período para a região.

Imagem aérea mostra a Catedral Metropolitana Sagrado Coração de Jesus, localizada entre as Avenidas Rio de Janeiro e São Paulo. No canto direito, Praça Marechal Floriano Peixoto (FOTO: Acervo Foto Estrela/1950)

Foto Estrela - O acervo de imagens do Foto Estrela também é composto por imagens de autoria do alemão Carlos Stenders, primeiro proprietário do Foto Estrela, inaugurado em 1938. Na época em que residiu em Londrina, Stenders foi responsável por registrar o surgimento da cidade, sendo pioneiro na fotografia profissional de Londrina. As fotos de Stenders, preservadas pelo Museu Histórico de Londrina, foram doadas em 1970. Outras foram mantidas no antigo Estúdio do Foto Estrela e, posteriormente, também foram repassadas, junto com fotos do fotógrafo Yutaka Yasunaka.   

Carros estacionados na Rua Rio de Janeiro, esquina Rua Sergipe. Ao fundo, agência do Banco do Estado do Paraná, à direita, sede do periódico Paraná Jornal(FOTO: Acervo Foto Estrela)

Além das fotografias, o acervo Foto Estrela conta com 166 documentos e 86 objetos tridimensionais, todos relacionados a produção fotográfica e atividade comercial do estúdio. O arquivista do Museu, Amauri Ramos da Silva, que atua no setor de acervo tridimensional, destaca a importância da preservação do patrimônio, que conta parte da história de Londrina. "É importante por essa evolução tecnológica e as adaptações construídas por essas pessoas que registraram a história de Londrina, o cotidiano da nossa região e da nossa cidade também", diz.

Livro - A biografia dos fotógrafos e imagens importantes de Londrina nas décadas de 1950, 1960 e 1970 foram registradas no livro "Revelações da História: o Acervo do Foto Estrela Projeto", organizado por Daniel Choma, Edson Vieira e Tati Costa, publicado pela Câmara Clara em 2012.

(Com informações do Museu Histórico de Londrina/Victória da Cruz - Estagiária do curso de Jornalismo).


rodapé da notícia

  10h13 Prorh: abertas inscrições de curso sobre competências interpessoais
  09h33 CNPq divulga edição 2019 do Prêmio Péter Murányi. Inscrições até agosto
  09h10 39ª Festival Internacional de Música abre inscrições para a grade pedagógica
  09h05 Assessoria de Tecnologia de Informação tem novo sistema de solicitação de serviços
  09h55 Pesquisadores da UEL fomentam certificação de orgânicos no Estado
  17h56 UEL retoma atividades na próxima segunda-feira (24)
  17h57 UEL é sede do maior evento de astronomia do Sul do Brasil
  17h07 Feira das Profissões 2019 traz ao Campus mais de 15 mil estudantes
  11h25 Inovatec.CCE promove inovação na área de negócio e serviços
  22h13 Cine Com-Tour/UEL exibe Mademoiselle Paradis
  09h16 Ranking Internacional classifica UEL entre as 39 melhores da América Latina
  09h11 Curso para servidores ensina Ferramentas Google para Escritório
  08h17 Laboratório de Performance apresenta concerto de piano e sax
  08h07 Proppg divulga nova etapa de seleção para bolsas de Iniciação Científica
  09h28 Renovação de matrícula para 11 cursos de graduação
  16h41 Jornada debate intercâmbio Brasil e Argentina
  15h38 Estudantes de Artes Visuais realizam exposição sobre Arte Barroca
  16h13 Projeto Seda Brasil representa UEL na Expo Japão 2019
  14h18 Maioria de trabalhos selecionados em Mostra de Pesquisas é da UEL
  17h10 35ª Semana de Geografia: inscrições abertas
  10h43 UEL recebe disputas de modalidades dos Jogos Paradesportivos do PR
  09h23 Grupo de Astronomia abre 16º Encontro Paranaense de Astronomia
  08h38 Superintendente divulga carta aberta sobre a Lei Geral das Universidades
  08h39 Reitoria divulga nova data de debate sobre Lei Geral das Universidades
  16h58 Estudantes participam de aula prática em canteiro de hortaliças
  16h00 Professora da UEL recebe prêmio nacional por pesquisa sobre jovens e o tráfico de drogas
  15h47 Pesquisas da UEL são selecionadas pelo Programa Sinapse da Inovação
  10h46 Motus/UEL abre inscrições da Colônia de Férias
  11h55 8ª edição das Feira das Profissões vai receber 15.184 alunos
  08h56 ATI adota novo sistema de solicitação de serviço: Sistema Atendimento
  09h30 Curso de Excel 2016 está com inscrições abertas até 25 de junho
  09h22 Aberta renovação de matrícula para 11 cursos de graduação
  14h45 UEL FM apresenta coluna sobre Bioética, às quintas-feiras
  10h58 Último dia de agendamento de escolas para 8ª Feira das Profissões
  08h31 Professora tem pesquisa de pós-doutorado reconhecida em nível nacional
  09h54 CAPES divulga editais e seleciona 65 projetos para França e Alemanha
  09h16 Prorrogado prazo para submissão de trabalhos
  09h33 UEL promove 3º TED Talks nas Línguas Estrangeiras, dia 18
D
DESTAQUES ::.

Projeto de comunicação popular cria plataformas digi

Professor argentino vem a Londrina falar da Medicina

Pesquisadores elaboram método para identificar fake

Jornal Notícia - 1.395
B
BUSCA no SITE ::.
C
CANAIS ::.
COMITÊS / COMISSÕES
OUTROS ENDEREÇOS
PORTAIS
PROGRAMAS / PLANOS
SAÚDE
SERVIÇOS
Fale com o Reitor
Holerite
Certificados Declarações
L
LINKS ::.
                             
© Universidade Estadual de Londrina
Coordenadoria de Comunicação Social
Rodovia Celso Garcia Cid | Pr 445 Km 380 | Campus Universitário
Cx. Postal 10.011 | CEP 86.057-970 | Londrina - PR
Fone: (43) 3371-4361/4115/4331  Fax: (43) 3328-4593
e-mail: noticia@uel.br