Agência UEL de Notícias
    Londrina, Domingo, 26 de Maio de 2019 -  Busca   

 · Agência UEL de Notícias  · Jornal Notícia
10/05/2019  

Psicólogo defende ensino integral para escola transformadora

Pedro Livoratti

Hudson Carvalho: "o ensino integral representa uma perspectiva pedagógica para promover a oferta de novas oportunidades e para o conhecimento se consolidar"

Preparar cidadãos para serem autônomos, colaborativos e produtivos, com as competências necessárias para enfrentar desafios do século XXI, marcado por uma modernidade exagerada, de grande velocidade e mudanças constantes. Esta escola transformadora está relacionada a um currículo que inclua educação integral, superando o ensino tradicional que prevê acúmulo de conhecimento. Este foi o recado deixado pelo Gerente especialista do Instituto Ayrton Senna, Hudson Carvalho, que participou de aula aberta promovida pelo Programa de Pós-graduação em Psicologia da UEL, no último dia 18, no Centro de Ciências Biológicas, no Campus Universitário.

Psicólogo de formação e professor da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), Hudson trabalha há cerca de um ano no Instituto Ayrton Senna, organização do Terceiro Setor, que há 23 anos difunde a necessidade de um ensino integral de qualidade, além de novos conceitos para o ensino por meio de parcerias com várias esferas do poder público. Nestas mais de duas décadas, pelo menos 1,5 milhão de alunos foram beneficiados com os programas desenvolvidos em mais de 660 municípios de 17 estados.

Ao falar para estudantes de Pós-graduação de Psicologia, ele apresentou conceitos defendidos pelo Instituto baseados em pilares que definem aprendizagem como ferramenta para adquirir conhecimento e para vivenciar relacionamentos. Dentro desta perspectiva, explica que uma formação tecnicista, calcada em acumular conhecimentos de matérias obrigatórias do Ensino Fundamental e Médio, distancia este estudante da realidade e torna toda esta base obsoleta.

Segundo definiu, o ensino integral representa uma perspectiva pedagógica para promover a oferta de novas oportunidades e para o conhecimento se consolidar. Ele defendeu conceitos como emancipação crítica do cidadão e a implementação de metodologias integrativas dos componentes curriculares. O resultado é a formação de um aluno mais flexível, colaborativo e produtivo.

De acordo com Hudson, ao propor o ensino integral e a promoção de novas competências para os estudantes, o Instituto Airton Senna se baseia na própria Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB) e na Base Nacional Curricular Comum (BNCC), que garantem, entre outros pontos, que a educação é um direito e o pleno desenvolvimento do exercício de cidadania. Mais que isto, a legislação preconiza o ensino básico para a formação e o desenvolvimento global.                       
      
O ensino integral representa uma perspectiva pedagógica para promover a oferta de novas oportunidades e para o conhecimento se consolidar
      

MATRIZ

O Instituto desenvolveu uma matriz pela qual atribui competências para os estudantes, baseada em experiências desenvolvidas por pesquisadores que utilizam escalas e testes para medir aspectos da personalidade. O primeiro autor a citar a teoria foi Gordon Allport, em meados dos anos 30. Posteriormente estes conceitos foram aprimorados e resultaram em escalas e testes dos chamados cinco grandes grupos, ou simplesmente Big Five - Abertura a novas experiências; Consciência: inclinação a ser organizado, esforçado e responsável; Extroversão; Amabilidade: tendência a agir de modo cooperativo e não egoísta e Estabilidade Emocional.

Segundo Hudson, o Instituto adotou o modelo para estimular o desenvolvimento de competências socioemo-cionais. A partir destas identificações é possível trabalhar problemas existentes nas escolas como violência, bullying e as próprias dificuldades apresentadas pelos estudantes. "O desenvolvimento socioemocional pode colaborar muito para melhorar a empatia, confiança e até assertividade", afirma.

Homeschooling pode coibir desenvolvimento

A proposta de ensino domiciliar, conhecida como homeschooling, defendida pelo Governo Federal e que depende de aprovação no Congresso Nacional, é um modelo que poderá impactar negativamente o ensino de crianças e adolescentes uma vez que a escola representa um espaço para socialização, onde se trabalha colaborativamente.

"A escola é uma maquete da sociedade. Banir a experiência da escola é propor menos oportunidades de desenvolvimento", atesta Hudson, salientando que a preocupação dos educadores é quanto à formação completa do estudante. "Em uma sociedade tão conformada como a nossa, a escola é hoje um instrumento importante para formar pessoas colaborativas, autônomas e competentes", defende.

Segundo divulgou o Palácio do Planalto, o projeto de Lei enviado ao Congresso para aprovação prevê requisitos mínimos que os pais ou responsáveis deverão cumprir para o ensino domiciliar, tais como o cadastro em plataforma a ser oferecida pelo Ministério da Educação (MEC) e a possibilidade de avaliação anual. O documento, que abrange o exercício do direito à educação domiciliar, também altera Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e a Lei nº 9.394/96, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional.

Conforme informações da Associação Nacional de Educação Domiciliar (Aned), 7.500 famílias adotam esse modelo no Brasil - número quase 20 vezes maior do que o registrado em 2011, quando havia 359.

Esta matéria foi publicada no Jornal Notícia nº 1.393. Confira a edição completa:




rodapé da notícia

  16h47 Seminário de Pesquisas: Inscrições abertas até 5 de junho
  16h40 Projeto da UEL incentiva adoção sem preconceitos e estigmas
  15h52 TCC: Pesquisa expõe vozes femininas sobre violência
  17h17 Produções japonesas: fantástico, maravilhoso e estranho
  15h18 Tendências para o profissional do futuro é tema de evento na UEL
  17h21 Foto Estrela tem mais de cinco mil imagens digitalizadas pelo Museu Histórico
  10h11 CNPq lança Editais de bolsas de Produtividade em Pesquisa e Sênior
  09h49 Orquestra Londrinense de Viola Caipira abre Semana do Café
  15h12 Planetário de Londrina divulga exibições para públicos infantil e adulto
  08h44 Projeto recruta pais de crianças com transtorno do espectro Autista
  15h23 Jornal Notícia - 1.394
  15h40 UEL fica em 3º lugar nos Jogos Universitários do Paraná
  15h26 Semana de Secretariado Executivo está com inscrições abertas
  14h58 Departamentos do CCB promovem curso sobre Ciências Naturais
  14h54 Escola Municipal de Dança apresenta Coppélia no Ouro Verde
  14h47 Professor argentino abre Simpósio Internacional de Patologia
  13h31 Museu Histórico de Londrina recebe programação da Semana do Café
  13h19 Pesquisa online faz levantamento sobre saúde mental de estudantes de graduação
  09h41 Cine Com-Tour/UEL exibe drama francês
  15h29 Ciclo de Palestras Satélite tem convidados do Canadá e Inglaterra
  15h22 Semana Jurídica promove discussão sobre relativização dos Direitos Fundamentais
  15h04 Professor da USP abre Congressos sobre Educação Física Escolar
  15h30 Semana do Café no Museu Histórico de Londrina/UEL
  09h33 Prorh abre inscrições para curso sobre organizações públicas
  09h26 Farmácia Escola da UEL fornece 50 medicamentos do SUS
  08h54 Inscrições para o Prêmio Paranaense de C&T terminam terça-feira (28)
  16h04 Abertas inscrições para 27 programas de mestrado e doutorado
  16h05 Educação Física terá alteração na 2ª Fase do Vestibular
  11h32 Museu Histórico de Londrina divulga programação da Semana do Café 2019
  08h58 57ª Semana Jurídica destaca desconstrução do Estado Democrático de Direito
  08h44 Ciclo de Estudos Críticos Animais está com inscrições abertas
  09h10 Simpósio Internacional debate doenças, obesidade e envelhecimento
  17h39 Simpósio de Humanização em Saúde em junho
  17h11 Banco de Leite Humano do HU/UEL precisa de doações
  08h33 Abertas até dia 24 inscrições do Parlamento Universitário 2019
  14h16 Pint of Science começa hoje em 84 cidades brasileiras
  11h21 Seti: consulta pública sobre Lei Estadual de Inovação
  11h09 Encontro de Saúde Mental reúne pesquisadores e especialistas da área
  10h39 Exposição fotográfica no NDPH (CCH)
  19h01 Curso sobre Ecologia e Conservação de peixes
  09h57 Departamento oferta curso de curso Excel 2016
  17h49 Cops divulga gabarito oficial de concurso da Prefeitura de Londrina
  11h14 3º Concerto da Temporada Ouro Verde une OSUEL e Banda Champagnat
  09h11 Professor da USP abre Congressos sobre Educação Física Escolar
D
DESTAQUES ::.

TCC: Pesquisa expõe vozes femininas sobre violência

Produções japonesas: fantástico, maravilhoso e estra

Jornal Notícia - 1.394

Dinâmica social de Londrina é tema de projeto da Soc
B
BUSCA no SITE ::.
C
CANAIS ::.
COMITÊS / COMISSÕES
OUTROS ENDEREÇOS
PORTAIS
PROGRAMAS / PLANOS
SAÚDE
SERVIÇOS
Fale com o Reitor
Holerite
Certificados Declarações
L
LINKS ::.
                             
© Universidade Estadual de Londrina
Coordenadoria de Comunicação Social
Rodovia Celso Garcia Cid | Pr 445 Km 380 | Campus Universitário
Cx. Postal 10.011 | CEP 86.057-970 | Londrina - PR
Fone: (43) 3371-4361/4115/4331  Fax: (43) 3328-4593
e-mail: noticia@uel.br