Agência UEL de Notícias
    Londrina, Terça-Feira, 19 de Fevereiro de 2019 -  Busca   

 · Agência UEL de Notícias  · Jornal Notícia
18/09/2018  

Pesquisa investiga causas da infertilidade canina posssui-foto

Agência UEL

A professora Maria Isabel Mello Martins, do Departamento de Clínicas Veterinárias, do Centro de Ciências Agrárias (CCA), orientou pesquisa de doutorado em Ciência Animal que apresenta novas formas de diagnosticar possíveis causas de infertilidade em cães (fêmeas). A pesquisa foi realizada por Rebeca Cordeiro Justino, aluna do programa de doutorado em Ciência Animal do CCA. O objetivo foi mostrar as causas inflamatórias que interferem na gestação dos animais.

Ao todo 65 fêmeas, castradas e sem histórico de problemas reprodutivos, foram submetidas ao levantamento epidemiológico. Elas foram submetidas a exames que detectam doenças infectocontagiosas, as quais poderiam levar ao abortamento ou não desenvolvimento do embrião. "Exames para diagnóstico de zoonoses são de extrema importância quando se pesquisa questões reprodutivas", aponta a professora. Com os diagnósticos negativos, os pesquisadores fizeram o controle de natalidade dos animais, para análise das alterações inflamatórias, enquanto possíveis causas de problemas na gestação.

Motivada pelos diagnósticos negativos, a pesquisa foi inspirada em trabalhos acadêmicos que também indagavam sobre problemas de infertilidade que não estavam ligados a doenças infectocontagiosas. Segundo as pesquisadoras, o levantamento mostrou que o útero dos animais apresentava aparência espessa, devido a maior quantidade de células inflamatórias. A principal complicação observada, segundo elas, foi a Endometrite, causada pela inflamação da mucosa uterina dos animais e um dos fatores que causam a infertilidade nos mamíferos.

A professora Maria Isabel chama a atenção para a importância do acompanhamento clínico antes de processos de cruzamento ou inseminação. Ela sugere que o controle adequado pode evitar contaminações de doença e problemas na gestação. "Qualquer processo de cruzamento exige acompanhamento. É preciso uma avaliação clínica criteriosa", reforça a professora.

Portanto, o fato é que a falta de acompanhamento prévio pode afetar a qualidade de vida do animal e, ao mesmo tempo, influenciar em outros fatores além da gestação. "A Endometrite, sem controle, pode resultar na retirada do útero do animal, que caso não seja tratada em tempo hábil pode causar a morte", acrescenta a professora.

Além do acompanhamento clínico, a pesquisadora observa que a boa condição física dos animais somada à alimentação equilibrada, além do local de permanência adequado são maneiras eficazes de evitar complicações na gestação. "A reprodução é a condição natural do animal, que só está apto a reproduzir quando é saudável clinicamente", disse a professora.


rodapé da notícia

  16h12 Projeto retoma sessões de massoterapia no Campus e HU/UEL
  09h52 Abertas inscrições do Prêmio Destaque na Iniciação Científica e Tecnológica
  14h40 Simpósio internacional de patologia reúne pesquisadores brasileiros e internacionais
  14h39 Último dia de inscrições para seleção do Curso Especial Pré-Vestibular
  17h37 Departamento de Serviço Social promove Seminário sobre Direitos Humanos
  15h02 Colegiado divulga 3ª Semana de Integração do curso de Psicologia
  11h01 Banco de Leite Humano do HU necessita de doações de lactantes
  10h22 Núcleo de Acessibilidade promove oficina sobre inclusão no nível superior
  09h45 Mostra Londrix Vídeo Poema incentiva criação literária londrinense
  09h27 Inovatec: prazo para envio de resumos de trabalhos termina dia 27
  17h06 Emergência e Medicina Intensiva de Pequenos Animais
  17h00 Programa Paraná Fala idioma: Curso de Francês Básico
  16h53 Abertas inscrições para Programa de Pesquisas em Saneamento Ambiental
  14h44 79ª edição do Ciclo de Física Nuclear Aplicada começa dia 27
  10h52 Proppg divulga resultado do Programa de Bolsas de Pós-doutorado
  09h32 Terminam dia 19 as inscrições para seleção do Curso Especial Pré-Vestibular
  08h47 Seti prorroga prazo de execução do programa Universidade Sem Fronteiras
  15h02 Pós-graduação: Últimos dias de inscrições para cursos de especialização
  10h50 Pró-reitoria divulga chamada de apoio a eventos científicos
  10h41 Boitatá é primeiro periódico exclusivo das áreas de oralidade e literatura
  10h03 UEL investe na pesquisa e produção de materiais 100% biodegradáveis
  09h52 Abertas inscrições do programa CAPES e Comissão Fulbright de bolsas de doutorado
  10h29 Laboratório de Línguas oferta opções de cursos de idiomas, inclusive Latim e Grego
  17h06 Cartão Transporte: Aberto agendamento para renovação e novos cadastros
  09h14 Cine Com-Tour/UEL destina ingressos de cinema para os novos alunos
  14h22 Professor integra comissão do Congresso Luso-Brasileiro de Horticultura
  09h14 Voz do Silêncio em cartaz no Cine Com-Tour/UEL
  10h41 Abertas inscrições do curso Língua e Cultura Japonesa 2019
  09h35 Programa Paraná Fala idiomas divulga curso de francês básico
  09h36 UEL e Prefeitura de Londrina ofertam curso de formação para professores
D
DESTAQUES ::.

Livros para ler, pensar e viver

Proteção social como estratégia de resistência

Revista da Ciência da Informação é destaque nacional

Projeto de pesquisa: A família não é mais como antig
B
BUSCA no SITE ::.
C
CANAIS ::.
COMITÊS / COMISSÕES
OUTROS ENDEREÇOS
PORTAIS
PROGRAMAS / PLANOS
SAÚDE
SERVIÇOS
Fale com o Reitor
Holerite
Certificados Declarações
L
LINKS ::.
                             
© Universidade Estadual de Londrina
Coordenadoria de Comunicação Social
Rodovia Celso Garcia Cid | Pr 445 Km 380 | Campus Universitário
Cx. Postal 10.011 | CEP 86.057-970 | Londrina - PR
Fone: (43) 3371-4361/4115/4331  Fax: (43) 3328-4593
e-mail: noticia@uel.br