Agência UEL de Notícias
    Londrina, Quinta-Feira, 25 de Maio de 2017 -  Busca   

 · Agência UEL de Notícias  · Jornal Notícia
11/01/2010  

SINOPSE - A UEL NOS JORNAIS - 10/1/2010 - domingo

De acordo com as edições digitais dos jornais disponibilizadas no dia.

Agência UEL

www.folhadelondrina.com.br

Teste tem 15% de faltosos

Candidatos realizaram provas de aptidão física no fim de semana; chuva impediu a participação de 180 pessoas

Cerca de 520 candidatos que buscam vagas na Guarda Municipal realizaram os testes de aptidão física no campus da Universidade Estadual de Londrina (UEL), no fim de semana. Nessa segunda etapa do concurso, os eles fizeram uma prova de corrida, de resistência nas barras e de suttlerun, prova que mede a coordenação motora e velocidade dos candidatos. Outras 180 pessoas não conseguiram fazer a prova por causa da chuva de sábado. As provas foram transferidas para o próximo dia 16.

''Tivemos um índice de 15% de faltosos, considerado normal. Percebemos um nível muito bom de preparo entre os candidatos'', disse o secretário municipal de Defesa Civil, Benjamin Zanlorenci. Durante as provas de ontem, duas pessoas passaram mal. Os candidatos ainda passarão por mais três etapas, que correspondem ao testes psicológico, exame médico e avaliação de conduta.

Valdomiro Siqueira Albert Júnior, 26 anos, estava com dor nos tornozelos, mesmo assim conseguiu completar todas as etapas. ''Comecei a ter uma inflamação na tíbia por causa do excesso de esforço físico. É que passei a treinar muito nos últimos dias para a prova. Mas ainda bem que deu tudo certo'', comentou. Formada em Educação Física, Ana Paula da Silva, 24, procura a estabilidade de um serviço público. ''Atualmente estou dando aula numa academia mas resolvi fazer o concurso por causa da estabilidade mesmo'', disse.

Já Tiago Andrade de Oliveira, 27, é de Arapongas (Norte), onde também prestou concurso para a Guarda. Ele fez a sequência de cinco barras de forma tranquila e conseguiu terminar a corrida em 10 minutos e 51 segundos, pouco menos do exigido, que era 11 minutos. ''Faço academia faz tempo por isso já estava preparado. Acho que vai dar pra passar'', comentou.

Ao todo, 200 guardas municipais atuarão nas ruas de Londrina. Eles desempenharão suas funções armados e uniformizados. Segundo o secretário, calcula-se que os GMs estarão atuando de forma definitiva em meados de junho, depois que concluirem os 90 dias de curso de formação.

Fernanda Borges

Reportagem Local

www.jornaldelondrina.com.br

Ponto de Vista

A promessa de Tempo de Luz transformou-se em Tempo de Trevas

Fábio Cézar Martins*

Na história da Universidade Estadual de Londrina (UEL) há registros e consolidações de muitas conquistas e benefícios coletivos. Nascida no berço da perspectiva do progresso e desenvolvimento, por sua peculiaridade agropecuária, a UEL impulsionou grandes empreendimentos e expressiva inclusão socioeconômica de Londrina e dos mais de 70 (setenta) municípios onde sua inserção alcança.

Lamentavelmente a concepção de crescer e agregar não é a mesma dos dirigentes hierárquicos, sobretudo no staff do Estado, no qual a respectiva pasta ainda alberga bolsistas e politiqueiros de idoneidade dúbia e “escrúpulos” sem fronteiras.

No apagar das luzes do dia 17 de dezembro de 2009, motivados pela enganosa estatística e falsa moralidade, um grupo dos 21 (vinte e um) deputados estaduais da Assembléia Legislativa do Paraná renderam-se aos encantos da enganosa política da economia burra dos serviços públicos e votaram favoráveis ao corte de centenas de cargos comissionados e funções gratificadas (tanto administrativas quanto acadêmicas) das cinco maiores instituições de ensino superior do Paraná (UEL, UEM, UEPG, Unicentro e Unioeste). Que momento infeliz, triste e escuro (fizeram-se as trevas).

Por mais que tentem explicar não há fundamento convincente. Desestruturar, por meio de cortes sem critérios técnicos, instituições que historicamente prestam relevantes serviços e contribuem para o desenvolvimento das regiões na qual estão inseridas é um retrocesso, ou em outras palavras, é trazer as trevas onde existia a luz. Cada corte de desenvolvimento e investimentos que se faz em ciência, tecnologia e ensino superior é tão grave, contundente e doloroso como um coice de cavalo, espécie animal que parece perseguir nossos governantes paranaenses há muito tempo no curso da história.

A sociedade, preocupada com o desenvolvimento da ciência, tecnologia e ensino superior, precisa refletir e tomar ações imediatas no sentido de blindar a máquina pública de interesses políticos e eleitoreiros que não colaboram com o desenvolvimento das suas instituições de ensino superior e do Estado do Paraná.

Apesar dos fatos, e mesmo com a desestruturação das cinco maiores instituições de ensino superior do Paraná, tenho certeza de que nossos pesquisadores, professores, alunos e técnicos administrativos, com sua luz própria, possuem uma concepção de crescer e agregar, independente de governantes, construída ao longo de sua trajetória, e continuarão contribuindo para o crescimento e desenvolvimento da ciência e tecnologia, pois esta sim não tem fronteiras.

*Fábio Cézar Martins é pró-reitor de Recursos Humanos da Universidade Estadual de Londrina.

Vestibular

9 mil em busca de uma das 3 mil vagas da UEL

Lista dos aprovados no vestibular da UEL será divulgada nesta terça-feira. JL vai publicar a lista simultâneo à divulgação

Cerca de 9 mil pessoas estarão aguardando pelo anúncio dos aprovada para as mais de 3 mil vagas ofertadas pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), que divulga terça-feira (12), às 12 horas, a lista do final do Vestibular 2010. A relação poderá ser conferida no endereço www.cops.uel.br ou ainda no edital que será afixado na Pró-Reitoria de Graduação (PROGRAD), no Campus Universitário. O JL também irá publicar em seu site www.jornaldelondrina.com.br a relação de todos os aprovados.

A UEL teve um número recorde de inscritos para o vestibular com 22.300 candidatos na primeira fase, ocorrida em novembro. Na segunda fase o número caiu para 9 mil e, agora, somente 3,1 mil que conseguirão a tão almejada vaga.

Os aprovadores precisarão fazer a confirmação do interesse na vaga através da pré-matrícula em 1ª convocação pelo endereço eletrônico www.uel.br/prograd, que será entre 14 a 19 de janeiro. Os documentos para a matrícula definitiva deverão ser enviados à Prograd, via SEDEX no endereço UEL-Prograd, Caixa Postal 6001, CEP – 86051-980, Londrina-PR, de 14 a 20 de janeiro.

Para quem não passou e ainda quer se candidatar a uma vaga será necessário preencher um formulário declarando interesse pela vaga na lista de espera da segunda chamada, que estará à disposição no site da UEL. Os classificados em 2ª chamada serão divulgados no dia 28 de janeiro, às 17 horas.

A UEL lembra que para confirmar a matrícula, o estudante deverá comparecer à Prograd durante os 10 primeiros dias corridos do início do período letivo de aulas.

O candidato classificado que já estiver matriculado em outro curso na UEL ou outra Instituição de Ensino Superior Público brasileira ou beneficiário do PROUNI, ao efetivar sua matrícula, deverá fazer o cancelamento de matrícula do outro curso.

Os documentos necessários para a matrícula são:1. 02 (duas) cópias da Certidão de Nascimento ou Casamento (com nome sem abreviatura, sem tarja, sem dobras (legível); 2. 02 (duas) cópias da Cédula de Identidade Civil (RG) ou da Carteira de Identidade de estrangeiro, frente e verso (como o original), numa única peça (legível); 3. 01 (uma) cópia do CPF próprio (legível); 4. 01 (uma) cópia do Comprovante de Voto da última eleição (legível); 5. 01 (uma) cópia do Documento Militar, frente e verso (como o original), numa única peça (legível); 6. 02 (duas) cópias autenticadas em cartório, do Histórico Escolar com o Certificado de Conclusão do Ensino Médio (completo) (legível); 7. 02 (duas) cópias autenticadas em cartório dos documentos inerentes à revalidação de Estudos realizados no Exterior: Histórico Escolar do Exterior, Tradução Juramentada e Certificado de revalidação (legível); 8. O portador de Diploma de Ensino Médio (Técnico) ou Superior devidamente registrado, deverá apresentar 2 (duas) cópias autenticadas em cartório do Diploma, frente e verso (como o original , numa única peça (legível); 9. 01 (uma) cópia autenticada em cartório do Histórico Escolar do Ensino Fundamental (5a a 8a séries) com a identificação das escolas e entidade mantenedora, para os candidatos que optaram pelo sistema de cotas (legível); 10. 01 (uma) foto 3x4, recente, para identificação estudantil.

Londrina

Suor para garantir vaga na Guarda Municipal

Candidatos realizaram ontem e hoje, na UEL, os testes físicos da segunda etapa do concurso municipal

Nas arquibancadas, muita expectativa e torcida para os grupos que se revezavam na pista de corridas da Universidade Estadual de Londrina (UEL). Gritos de incentivo para os mais lentos e aplausos para os melhores colocados eram comuns. Seria uma competição em um domingo como qualquer outra se a maioria dos espectadores não fosse também concorrente. Estavam ali aguardando ser chamados para realizar os testes de aptidão e disputar uma vaga na Guarda Municipal de Londrina. Os testes foram realizados no sábado e domingo, com os 700 aprovados na primeira fase.

Entre os candidatos, a esperança era de passar para a próxima fase, a de avaliação psicológia. Mas todos sabiam que seria muito difícil. “Eu comecei a treinar na academia há dois meses. Depois vi que não ia ser suficiente e pedi ajuda para uma amiga, professora de Educação Física, na corrida. Eu não corria nada. Hoje eu estou bem melhor mas não sei se vai dar”, contou, com um riso nervoso, a assistente de odontologia Genicleide Silva, 34 anos. Ela e o marido foram aprovados na prova escrita e ambos foram convocados para o mesmo dia de provas. “Eu tenho que torcer por ele e por mim. Um tem que passar de qualquer jeito”, disse.

O maringaense Zenildo Soledade Silva, 35 anos, operador de máquina na indústria moveleira, também esperava conquistar uma boa pontuação para continuar na disputa da vaga. Segundo ele, correu todos os dias, no último mês, os 2.400 metros da primeira parte da prova física, treinou flexão de braço e Schutle Run (prova que alia coordenação motora e velocidade). “Eu me preparei o melhor que pude”, afirmou. O salário bom e a estabilidade do serviço público era o maior incentivo para Zenildo. “A gente que tem família tem que pensar nisso. O setor privado não dá esta segurança”, explicou.

Também de Maringá, Bruna de Oliveira, 27 anos, funcionária pública, não tinha tanta esperança de seguir no concurso. “Eu sei que não vou passar. Tive filho recentemente, treinei só duas semanas, mas vai servir como teste para o concurso da Polícia Civil que quero fazer”, contou.

Tiago Taguchi Silva, 21 anos, de Londrina, tinha em mente o mesmo objetivo. Ele foi um dos primeiros reprovados no teste físico, ao não conseguir completar os 2.400 metros em 11 minutos, como determinava o regulamento. “Eu não tinha muitas esperanças, estava muito fora de forma. Mas resolvi fazer do mesmo jeito só para eu saber como era. Quero prestar o concurso da PM, e tenho mais três meses para me preparar”, disse.

Já para os amigos Toni Carlos Ferreira Cutisquete, 25 anos, e Thiago de Moraes, 20 anos, ambos de Guaravera, as provas físicas foram fáceis. Ambos ficaram muito bem colocados na corrida e na flexão de braço. E Thiago só derrapou no Schutle Run. “Perdi tempo, ali. Podia ter sido melhor”, lamentou. Os dois, no entanto, também miram em outros concursos: querem ser Policiais Militares. reitoria da UEL

Ladrões tentam roubar caixa eletrônico, mas colocam fogo no dinheiro

Grupo de seis homems armados invadiu a UEL depois de render três vigias. Eles tentaram abrir o caixa, mas acabaram queimando o dinheiro e fugiram do local sem nada

Ladrões tentaram arrombar o caixa eletrônico da Caixa Econômica Federal, que fica localizado no interior do campus da Universidade Estadual de Londrina (UEL), por volta das 7h30 deste domingo (10), mas foram frustrados.

O grupo de seis homens armados invadiu o local depois de render três vigias internos da instituição. Para abrir o caixa eles usaram um maçarico, mas acabaram incendiando parte das notas contidas no cofre do caixa eletrônico. Com o fogo e a fumaça causada, eles se assustaram e fugiram. As câmeras internas da reitoria registraram toda a movimentação e as imagens foram enviadas para a Polícia Civil.

Um dos vigias foi agredido com coronhadas na cabeça, mas ninguém foi ferido gravemente. Segundo o funcionário da central de vigilância da UEL, Arnaldo Francisco Correia de Melo, os ladrões se aproveitaram da troca da guarda do único veículo que faz a ronda por todo o campus e tiveram pouco trabalho rendendo apenas três homens. Um caso semelhante aconteceu na última sexta-feira, dia 8, em uma agência do Banco Itaú, na Avenida Higienópolis. Bandidos tentaram abrir o caixa eletrônico com um maçarico durante a noite, mas não foram capazes de arrombar o cofre. Apesar da grande destruição do equipamento, eles fugiram do local sem levar nada.



É autorizada a livre circulação dos conteúdos desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,
desde que citada a fonte.

As Sinopses apresentadas têm como referência as edições digitais dos jornais citados disponíveis no dia.


  18h03 Alunos do curso de Ciências Sociais promovem Sarau
  17h27 Pesquisador lança livro sobre games
  17h17 UEL promove em outubro Congresso de Ciências Biomédicas
  16h38 Feira das Profissões abre agendamento para escolas posssui-foto
  15h15 Congressos debatem Formação de Professores de Educação Física posssui-foto
  12h25 UEL reúne lideranças e expõe realizações e demandas posssui-foto
  12h28 Seminário em Ciência da Informação está com inscrições abertas
  10h10 Capes divulga seleção de projetos científicos entre Brasil e França
  09h39 Colóquio destaca teorias literárias europeias e latino-americanas
  09h12 Cidade que sobe, que cresce, que brota e floresce
  09h09 HV abole boleto como forma de pagamento
  17h52 CCA oferta curso sobre produção de queijos posssui-foto
  17h48 Prêmio Capes de Tese 2017
  17h13 Palestra trata da saúde na pré-aposentadoria
  21h33 Programa faz Seminário de Dissertações e Teses em Andamento
  15h45 UEL divulga edital para contratação de professores temporários
  14h57 Mestranda em Enfermagem é selecionada para estágio na OPAS posssui-foto
  11h26 HU abre Semana de Enfermagem
  10h45 Congressos de Educação Física recebem mais de 420 participantes
  10h28 Workshop Regional debate Resíduos Sólidos Urbanos posssui-foto
  10h46 Reunião Brasileira de Citogenética e Citogenômica posssui-foto
  09h53 CNPq e Capes oferecem bolsas de doutorado na Alemanha
  11h49 Proex divulga seleção de Bolsas de Extensão Universitária
  09h04 JORNAL NOTÍCIA 1.361 - 24 de maio
  16h55 Eneimagem será aberto nesta terça-feira (23) no PDE
  16h34 Curso orienta sobre produção de queijos finos
  16h24 Mostra para o SUS: inscrições até 2 de junho posssui-foto
  15h41 Evento reúne pesquisadores e profissionais da área de citogenética
  15h32 Semana do Café começa quarta-feira (24) no Museu Histórico
  12h00 Lançamento traz biografia do maestro Othonio Benvenuto
  11h20 33ª Semana de Geografia foca a diversidade
  17h47 Prêmio Capes de Tese 2017 está com inscrições abertas
  10h00 Curso sobre redação de atas é ofertado pela Prorh
  09h25 Estudei na UEL
  17h44 Red Zicosur Universitária reuniu reitores de quatro países posssui-foto
  16h40 Simpósio debate desenvolvimento tecnológico posssui-foto
  16h13 Colação de grau forma 20 profissionais de 13 cursos posssui-foto
  16h20 Programa Paraná Fala Inglês seleciona bolsistas
  14h30 Osuel apresenta ópera cômica Così fan tutte posssui-foto
  15h17 Residência Odontológica completa 10 anos de atividades
  14h51 Filme Cisne Negro será tema de encontro
  14h37 Museu firma parceria para resgatar história de pioneiros
  16h58 Estudantes de Illinois iniciam programa de vivência na UEL posssui-foto
  15h39 Abertas inscrições para Simpósio de Biotecnologia
  08h21 Simpósio discute tecnologias de produção de alimentos posssui-foto
  14h46 Tecpar lança revista sobre energia renovável
  16h16 Abertas inscrições para Semana de Enfermagem posssui-foto
  17h43 Concurso fotográfico faz reflexão sobre o feminismo
D
DESTAQUES ::.

JORNAL NOTÍCIA 1.361 - 24 de maio

Cidade que sobe, que cresce, que brota e floresce

HV abole boleto como forma de pagamento

PDI 2016/2021
B
BUSCA no SITE ::.
C
CANAIS ::.
COMITÊS / COMISSÕES
OUTROS ENDEREÇOS
PORTAIS
PROGRAMAS / PLANOS
SAÚDE
SERVIÇOS
Fale com a Reitora
Holerite
Certificados Declarações
© Universidade Estadual de Londrina
Coordenadoria de Comunicação Social
Rodovia Celso Garcia Cid | Pr 445 Km 380 | Campus Universitário
Cx. Postal 10.011 | CEP 86.057-970 | Londrina - PR
Fone: (43) 3371-4361/4115/4331  Fax: (43) 3328-4593
e-mail: noticia@uel.br