Home » Blog » A importância da fundamentação teórica na formação do profissional de computação

 

A importância da fundamentação teórica na formação do profissional de computação

 

Frequentemente, os alunos de Ciência da Computação questionam a razão de estudarem tantos aspectos teóricos da computação durante o curso. A origem do questionamento está no mercado de trabalho. Uma boa parte dos profissionais de computação trabalha com ferramentas prontas de maneira mecânica, dispensando, pelo menos em tese, este conhecimento teórico. Na discussão deste tema,   duas vertentes tomam força. A primeira traz os defensores do estudo de soluções previamente desenvolvidas, que retratam a necessidade imediata do mercado. A segunda, por sua vez,  abriga os defensores do estudo dos aspectos científicos, que permitem o desenvolvimento de trabalhos centrados na criatividade. O fim de uma discussão saudável sobre este tema deve caminhar para a conclusão de que o melhor é o equilíbrio. O estudo de soluções prontas atende a demandas que existem de fato e não podem ser ignoradas. A busca por um forte embasamento científico permite que o profissional ganhe autonomia e expanda seus horizontes, proporcionando a criação de soluções inovadoras e necessárias ao progresso da sociedade.  Esta discussão é importante e merece uma boa reflexão. Este post é apenas uma introdução ao tema. Para quem quiser se aprofundar, uma sugestão é a leitura do ótimo artigo “A Teoria da Computação e o profissional de informática” do professor da Escola Politécnica da USP João José Neto.

Tags: ,